Empresa de capital fechado: o que é, vantagens e exemplos no mercado

Entenda como funciona e quais são as principais empresas de capital fechado do mercado

Na hora de abrir um empreendimento, é possível optar se deseja abrir ou fechar um capital. A segunda opção é mais tradicional. Mas você sabe o que é uma empresa de capital fechado? Quais as vantagens e desvantagens de fechar o capital? Principais características? Quais as maiores empresas desse setor? Confira tudo neste artigo.

O que é empresa de capital fechado?

Empresa de capital fechado são caracterizadas por terem uma gestão com um único proprietário ou então serem restringidas a poucos acionistas. Diferente das empresas de capital aberto que permitem a entrada de diversos novos acionistas por meio da compra ações na Bolsa de Valores, as de capital fechado só podem incluir um novo sócio, caso o investidor interessado convença um dos proprietários a vender sua fatia da empresa.

Quando isso ocorre, é necessário realizar um registro oficial dessa mudança, elaborando uma escrituração de transferência de propriedade, no caso, as ações que estão sendo vendidas para este novo acionista. Tudo deve constar no livro de ações da empresa.

Manter o capital fechado: quais as vantagens e desvantagens?

Abrir uma empresa de capital fechado possui vantagens e desvantagens. Entre as principais vantagens está o fato de que os acionistas possuem total controle da companhia. Por outro lado, existe uma desvantagem clara nesta situação: como acionistas de fora só podem entrar mediante negociação os atuais sócios, a chance de investimento externo é bem menor em relação às empresas de capital aberto, que estão livres para receberem recursos.

Além disso, quando a empresa não possui capital aberto e consequentemente não permite investimento de acionistas na Bolsa de Valores, naturalmente a liquidez ao investimento será bem menor também.

Uma característica muito vantajosa para quem prefere ter maior controle das finanças é que uma empresa de capital fechada pode realizar a contabilidade por meio de um escritório de contabilidade de sua confiança, escolhido pelos próprios acionistas. No caso do capital aberto, a contabilidade é realizada por um conselho de acionistas que estão no negócio.

Outra vantagem é que as empresas de capital fechado tem mais liberdade em relação a transparência para o mercado. Os sócios podem ou não divulgar os números para o mercado por exemplo. Já as de capital aberto são obrigadas a fazerem isso, devendo seguir uma série de regras se quiserem atrair possíveis novos acionistas.

Principais características

Como já citado, algumas das características marcantes das empresas com capital fechado são: restrição de acionistas, maior controle da administração, não obrigatoriedade na divulgação de balanços e contabilidade com escritórios os profissionais selecionados.

Além disso, uma característica marcante é que normalmente essas empresas são familiares ou pertencem a um grupo bem reduzido de sócios, como também emitem e vendem suas ações de modo bastante particular. 

Exemplos de uma empresa de capital fechado 

Duas das maiores empresas de capital fechado do Brasil são a Rede Globo e as Lojas Pernambucanas, que possuem um valor bilionário no mercado. Pelo mundo, destacam-se a Cargill, Koch Industries, Albertsons, Deloitte, PwC, Mars, Publix Super Markets, Bechtel, Ernst & Young e C&S Wholesale Grocers.

Qual o resultado?

Há poucos anos, empresas de capital fechado tiveram um crescimento econômico de mais de 30%, ultrapassando a marca de um trilhão de dólares. Uma pesquisa da S&P Capital IQ na época, analisou que as empresas de capital fechado são um ótimo investimento a longo prazo.

Como funciona o mercado de ações para empresas de capital fechado?

Como você já sabe, toda a empresa de capital fechado não está disponível no mercado de ações. No entanto, não quer dizer que essas empresas não possam vender suas ações de algumas forma. Basta o proprietário ou o grupo de sócios decidirem abrir uma negociação com acionistas externos.

A grande questão é que mesmo que um comprador tenha vontade e dinheiro para comprar ações de determinada empresa de capital fechado, ele só conseguirá participar de uma negociação caso algum dos acionistas desse negócio esteja disposto a negociar. Caso aceite, a compra de ações não depende necessariamente da aprovação dos outros sócios, basta a transferência dos recursos financeiros ser realizada da forma correta.

Bem como as empresas com capital aberto, as empresas de capital fechado possuem vantagens e desvantagens. É necessário que o empreendedor estude com cuidado como deseja agir no mercado.

Inscreva-se em nossa newsletter e tenha acesso aos principais conteúdos sobre mercado financeiro e Bolsa de Valores

 

Recomendados

Investimentos

Ações preferenciais ou PN: entenda qual a vantagem

Ações preferenciais ou PN são ações com prioridade na distribuição de ...

2 anos atrás

Investimentos

Cálculo da TIR: como usar a Taxa Interna de Retorno

O cálculo da TIR é mais uma ferramenta que você pode utilizar para escolher os ...

2 anos atrás

Investimentos

Conselho Monetário Nacional: o que é e qual é sua importância?

Entenda o que é e como funciona o Conselho Monetário Nacional ...

2 anos atrás